segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Significado das Flores

Sabia que a Natureza traduz uma série de significados para a vida? Sabia que cada flor transmite uma determinada essência e conceito? Na escolha da decoração floral no dia do casamento, veja o que pode transmitir a todos aqueles que estão consigo neste dia especial... Escolha flores de acordo com seu gosto pessoal e que possam transmitir o que sente o que quer dizer...

A Orquídea representa a sexualidade na sua forma mais excêntrica e nos seus tons inequívocos.
A Tulipa representa a elegância e a sensibilidade. As suas cores podem adequar-se a qualquer estilo e a sua presença tornará tudo muito suave.
A Margarida é símbolo da virgindade e da inocência e a sua cor natural representa isso mesmo (inocência, pureza e paz).
O Girassol representa a força positiva do sol, transmitindo calor, força e integridade. A sua cor representa felicidade, alegria, orgulho e amizade.
A Rosa é considerada a mais romântica das flores simbolizando paixão eterna. A cor vermelha representa o amor, paixão, coragem e respeito.
O Jasmim possui um perfume exótico significando sorte e alegria. É considerado o rei das flores devido ao seu perfume forte. A sua cor representa inocência, pureza e paz.
A Gérbera, com as suas cores mais vivas representam alegria, pureza e simplicidade.

Todas as cores nos dizem algo... e o misto das cores pode representar os sentimentos mais variados. Por exemplo: as flores vermelhas juntamente com as brancas representam a união, harmonia e unidade e se nos decidirmos pelas cores de rosa, poderemos transmitir sentimentos de simpatia, carinho, gratidão e gentileza. O fascínio e encantamento são representados pelas flores cor de laranja. Finalmente podemos ter em atenção que os tons claros representam a amizade e solidariedade e que os tons predominantemente vermelhos, representam o amor e felicidade. Escolha os seus tons e intensifique o seu dia...

Matéria retirada do Site: http://www.e-noivos.com

domingo, 28 de setembro de 2008

Cuidados com Igreja e Cartório de Registro Civil

Preparar um casamento exige várias providências e algumas prestadoras de serviços não cumprem o que prometem.

A princípio falaremos dos cuidados em relação à cerimônia civil e religiosa:

O local religioso pode oferecer, mas não obrigar, um pacote de serviços que inclua decoração, música, buffet, foto e vídeo. Porém, o protocolo do local escolhido (regulamento) deve ser seguido. Alguns estabelecimentos impõem certas limitações com relação à decoração, horários, repertórios musicais e, por vezes, chegam a indicar empresas especializadas. Por isso, é muito importante conhecer primeiro quais são as normas para depois contratar o tipo de serviço. Na exigência de um pacote é importante verificar o que está incluso e avaliar se é mais vantajoso do que contratar tudo separadamente. Vale lembrar que as igrejas, templos ou sinagogas celebram mais de um casamento por dia. Muitas vezes a escolha dos itens oferecidos pelo centro religioso afeta todos os casais. Portanto é sempre bom conhecer e consultar os outros noivos da data para que a cerimônia seja de agrado de todos. É aconselhável assinar um documento discriminando tudo o que for combinado.

Para o casamento civil, os noivos devem procurar um cartório de registros e verificar os valores cobrados e procedimentos necessários. Segundo a tabela da Arpen (Associação dos Registradores das Pessoas Naturais), muitos cartórios oferecem a opção de enviar um juiz de paz para celebrar o casamento civil fora do cartório (na igreja, em casa, no salão, etc).

Na capital de São Paulo as taxas cobradas são fixadas pelo Governo Estadual, com correção anual. O cartório deve ter uma tabela de emolumentos afixada em suas dependências.

Pelo código civil (artigo 1512), que entrou em vigor em 11 de janeiro de 2003, o casamento civil é gratuito para a população de baixa renda, mas muitas pessoas não sabem que têm esse direito.

Seguidores

No Instagram

.: Solennitá Cerimonial & Eventos - Blog :.

Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados